Botafogo marca no fim e vence reservas do Grêmio no Brasileirão


Com o compromisso pela Libertadores na terça-feira, contra o Cerro Porteño, Renato Portaluppi escalou o Grêmio com apenas Luan de seus titulares para encarar o Botafogo, fazendo até com que Tite desistisse de acompanhar a partida isolada deste sábado.

Mesmo assim, parecia que o alvinegro carioca ficaria mais uma vez no 1 a 1, até que Gilson, nos acréscimos, marcou um golaço para decretar a primeira vitória do Botafogo no Brasileirão, com 2 a 1 sobre os gaúchos, que perderam pela primeira vez.

O primeiro tempo foi bom e começou com Matheus Fernandes carimbando a trave de Paulo Victor logo no primeiro minuto.

O Grêmio chegou pela primeira vez com perigo aos 11 minutos, quando Michel lançou Madson e o domínio saiu errado, mas a bola sobrou para Alisson. O desvio saiu pela direita do gol, mas o jogador do Grêmio ficou reclamando de um empurrão, que seria pênalti.

O primeiro gol poderia ter saído aos 19, mas Paulo Victor apareceu muito bem para impedir que o cabeceio de Igor Rabello parasse na rede.

Só que, aos 35, não deu para a trave ou para o goleiro do Grêmio. Marcinho encontrou Brenner na entrada da área. Com um corte na marcação ele ajeitou e mandou no cantinho. A bola tocou o poste direito de Paulo Victor e entrou.
Mas foram necessários apenas dois minutos para o placar voltar a ficar igual. Alisson cobrou escanteio e Michel subiu com Igor Rabello, a bola tocou no defensor e entrou para o jogo ficar em 1 a 1 no intervalo.

No segundo tempo o equilíbrio continuou e o Botafogo ficou a, literalmente, um passo de ter um pênalti a seu favor, com Pimpão sendo derrubado por Marcelo Oliveira no limite da área.

Aos 23 o Grêmio quase virou. André encontrou Madson na direita e o cruzamento rasteiro para trás foi para Luan, que chegou em velocidade. A finalização, porém, foi completamente errada, saindo por cima do gol, sem periogo para Jefferson.

Pouco depois foi a vez do Botafogo perder uma grande chance. Gilson avançou pela esquerda e cruzou. Ezequiel ganhou de Marcelo Oliveira, mas, dentro da pequena área, errou feio e a bola cruzou na frente do gol antes de sair pela linha de fundo.

Depois de alguns minutos de dificuldades de criação, o Grêmio chegou perto de virar a partida, aos 43, com Alisson, que invadiu a área, mas finalizou sem força. O time da casa foi para a pressão no final e ela surtiu efeito quando as esperanças já pareciam no fim.

Depois de cobrança de escanteio, a bola ficou com Ezequiel que ajeitou para Gilson mandar de muito longe. Um verdadeiro golaço.

Com três pontos, o Botafoto chega a cinco, ultrapassando o Grêmio, que perde sua invencibilidade e fica com quatro pontos. Na próxima rodada o time carioca vai até Minas Gerais para encarar o Cruzeiro no próximo final de semana. Já o Grêmio, depois da Libertadores, vai receber o Santos em Porto Alegre.

Fonte: espn
Share on Google Plus

Editor Odair Morais

Postado Por