Neymar supera Romário, iguala Bebeto e entra para top 10 do Brasil

Principal nome do Brasil na Copa do Mundo da Rússia, Neymar escreveu nesta segunda-feira mais um importante capítulo de sua trajetória na Seleção. Com o gol anotado na vitória por 2 a 0 sobre o México, o atacante entrou para o grupo dos 10 maiores artilheiros do time canarinho em Mundiais.
Aproveitando cruzamento rasteiro de Willian, aos cinco minutos do segundo tempo, Neymar fez de carrinho o seu sexto tento em Copas do Mundo. O camisa 10 abriu o triunfo para o time canarinho, que ainda ampliou com Roberto Firmino no fim da partida.
Com o gol, Neymar superou Garrincha, Zico e Romário e se igualou a outros dois nomes históricos no sexto lugar da lista de maiores artilheiros da Seleção em Mundiais: Rivellino e Bebeto. A dupla, no entanto, alcançou essa marca ao longo de três Copas, enquanto o jogador do Paris Saint-Germain está disputando apenas a sua segunda.
A lista, considerando apenas brasileiros, é liderada por Ronaldo Fenômeno, com 15 gols. O ex-atacante, todavia, participou de quatro edições do torneio, balançando as redes adversárias em três delas (1998, 2002 e 2006).
À sua frente, Neymar ainda tem Careca (7), Leônidas da Silva (8), Rivaldo (8), Vavá (9), Ademir de Menezes (9), Jairzinho (9) e Pelé (12). O alemão Miroslav Klose é o maior artilheiro da história da competição, com 16 tentos.
Neymar abriu sua contagem em Copas no triunfo por 3 a 1 sobre a Croácia, na Arena Corinthians, marcando duas vezes no duelo que marcou a estreia da Seleção em 2014. Voltou a fazer mais dois gols na goleada por 4 a 1 diante de Camarões, em Brasília, ainda pela fase de grupos.
Após passar em branco nos embates com Chile e Colômbia, pelas oitavas e quartas de final do Mundial do Brasil, respectivamente, e diante da Suíça, pela estreia na Rússia, Neymar só voltou a marcar em Copas na vitória por 2 a 0 sobre a Costa Rica, pela segunda rodada da edição 2018.
Aos 26 anos, Neymar terá ao menos mais um jogo para subir no ranking ainda durante a Copa do Mundo da Rússia. Pelas quartas de final, o Brasil enfrentará a Bélgica na próxima sexta-feira, às 15 horas (de Brasília), em Kazan.
Veja os 15 maiores artilheiros do Brasil em Copas: 
Ronaldo – 15 gols
Pelé – 12 gols
Jairzinho – 9 gols
Ademir Menezes: 9 gols
Vavá: 9 gols
Rivaldo: 8 gols
Leônidas da Silva: 8 gols
Careca: 7 gols
Neymar: 6 gols
Rivellino: 6 gols
Bebeto: 6 gols
Garrincha: 5 gols
Zico: 5 gols
Romário: 5 gols
Sócrates: 4 gols

Veja as vítimas de Neymar em Copas:
12/06/2014 – Brasil 3 x 1 Croácia – Arena Corinthians – 2 gols
23/06/2014 – Brasil 4 x 1 Camarões – Mané Garrincha – 2 gols
22/06/2018 – Brasil 2 x 0 Costa Rica – Estádio Krestovsky – 1 gol
02/07/2018 – Brasil 2 x 0 México – Arena Samara – 1 gol

gazetaesportiva.com
Share on Google Plus

Editor GILSON FILMAGENS

Postado Por