"Eles deram uma rajada de fuzil na viatura", diz PM, baleado em assalto na Paraíba

O sargento Valter, do 5º Batalhão de Polícia Militar (5º BPM), relatou que no momento em que seu companheiro de trabalho, o cabo Jonas, que dirigia uma viatura da PM, foi baleado durante uma perseguição a criminosos no final da manhã desta segunda-feira (7).

Os bandidos haviam assaltado uma agência do Bradesco na Avenida Epitácio Pessoa, em João Pessoa, e fugiram pela BR-101 em direção a Pernambuco. Porém, foram seguidos de perto pela polícia até o bairro das Indústrias, quando o grupo de quatro homens abandonou o carro em que estavam e evadiram por uma mata.

No momento da perseguição houve um tiroteio entre bandidos e policiais. A viatura da PM foi atingida e o cabo Jonas, também do 5º BPM, foi baleado na perna. Ele foi socorrido no próprio veículo oficial para o Hospital de Trauma da capital e passa bem.

“Antes de sairmos do nosso setor de trabalho, nos deparamos com esse veículo em alta velocidade, não deu tempo esboçar reação, eles deram uma rajada de fuzil na nossa viatura. 

Felizmente revidamos, mas não foi compatível com o armamento pesado que eles tinham. De imediato, escutei meu motorista falando que estava baleado. 

Pedi que ele parasse a viatura e imediatamente e que o patrulheiro assumisse o volante, para a gente socorrer primeiro o nosso companheiro”, narrou o militar.

De acordo com o sargento, a equipe médica do hospital tranquilizou a guarnição quanto ao estado de saúde do colega de farda.




Fonte: Rede Tambaú de Comunicação