Direção do SINFEMP reafirma calendário de mobilização nos 23 municípios de sua base territorial

Saiba mais www.patostv.com - Em reunião realizada na tarde desta quarta feira dia 15 de Janeiro de 2020, o SINFEMP- Sindicato dos Funcionários Públicos Municipais de Patos e Região, realizou reunião da Diretoria, reafirmando o calendário de Assembleias que serão realizadas no período de 4 a 20 de fevereiro, como também o lançamento da Campanha Salarial 2020 no dia 5 de março em Patos, onde será realizada a primeira paralisação dos servidores públicos municipais.

A pauta das Assembleias nos municípios será sobre o pagamento de Precatórios, implantação da insalubridade, mudança da contribuição dos servidores junto a previdência, passando para 14%, piso Salarial dos professores, condições de trabalho dos servidores, rateio do FUNDEF, pagamento de férias e 13° a menor, baseado apenas no salário mínimo ou base, dentre outros.

Em Patos será realizada Assembleia no dia 7 de fevereiro será realizada a Assembleia as 16 horas no Auditório da Associação Comercial, onde será feito o Pré-lançamento da Campanha Salarial que tem como tema: Resistiremos na Luta.

O SINFEMP irá fazer um forte trabalho de base, mobilizando os servidores e alertando-os sobre a perda de direitos com o Projeto de Lei que poderá ser enviado a qualquer momento pelo gestor interino de Patos, onde a ameaça é retirada de direitos conquistados em gestões anteriores.

A entidade deliberou que será realizado um forte trabalho junto aos 17 vereadores e vereadoras, para que não votem a proposta de Estatuto que prejudique as mais de 70 categorias.

Para a Presidente do SINFEMP, Carminha Soares, nada justifica um gestor ignorar mais de dois mil servidores efetivos, encaminhado um projeto de lei sem discutir com a entidade sindical e com as categorias que poderão ser prejudicadas.

O sindicalista José Gonçalves afirmou que se a proposta do Estatuto for prejudicial aos servidores, será feita a grande luta.” Não tenho dúvidas que o gestor interino que não gosta do diálogo, da negociação, irá encaminhar o estatuto da maldade, prejudicando os servidores e vamos lutar para derrota-lo na Câmara Municipal de Patos”, disse o mesmo.

O SINFEMP está atento a qualquer projeto que chegue a Câmara Municipal para votação e todas as categorias serão mobilizadas.



sinfemp.com.br