Homem preso por matar e queimar namorada na PB é torturado na cadeia


Um homem preso na cadeia pública de Soledade, no Cariri Paraibano, foi socorrido e levado para o Hospital de Trauma de Campina Grande, no fim da manhã desta terça-feira (16). De acordo com a Polícia Civil, o preso foi torturado por outros presos da cadeia.
Alison Bruno, 21 anos, está preso desde o dia 3 de abril por força de um mandado de prisão. Ele foi apontado como autor do crime que vitimou Ana Katarina, 17 anos, morta em junho de 2018 - 
Alisson foi agredido por outros presos dentro da própria cadeia. O Grupo Penitenciário de Operações Especiais (GPOE) precisou ser acionado para entrar na cadeia e retirar Alisson.
Ainda segundo a Polícia Civil, as agressões foram tantas que Alisson não conseguia mover o corpo nem falar. 
Ele foi levado por uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Segundo o Hospital de Trauma de Campina Grande, o estado de saúde do preso é regular e estável.
Quatro detentos da cadeia foram levados para delegacia de Polícia Civil de Soledade, como suspeitos das agressões contra os presos. Eles foram indiciados, ouvidos e voltaram para cadeia pública.
Fonte ClickPB
Share on Google Plus

Editor patostv.com

Postado Por