Manchetes

Anvisa pede isolamento de leitos de pacientes da varíola dos macacos

Saiba mais www.patostv.com - A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) publicou um documento com algumas recomendações de prevenção e mitigação da varíola dos macacos em hospitais, clínicas e serviços de saúde. O órgão divulgou as orientações após o Brasil confirmar o primeiro caso da doença.  

A nota aponta que é recomendável que os serviços de saúde criem um plano de contingência para enfrentar possíveis casos da doença, bem como casos suspeitos.  

A Anvisa pediu que os hospitais mantenham a distância de, no mínimo, 1 metro entre os leitos dos pacientes. As pessoas diagnosticadas devem ficar em completo isolamento até o desaparecimento das “crostas” das lesões.  

As unidades de saúde devem implementar barreiras físicas nas áreas de triagem de casos suspeitos, além de suspender as visitas para diminuir o acesso de pessoas aos infectados. Os pacientes também devem ser acomodados, se possível, em um quatro privativo bem ventilado e com a porta fechada. 

O documento da Anvisa ainda prevê que os profissionais de saúde devem utilizar equipamento de proteção individual (EPI) ao atenderem pessoas infectadas ou tocar em produtos ou superfícies que tiveram contato com os pacientes. “Sempre que for prestada assistência em distância inferior a 1 metro ou quando se adentrar o quarto do paciente infectado deve-se usar avental, luvas e máscara cirúrgica, além de óculos de proteção ou protetor facial”, diz o documento.  

Por fim, a Anvisa pede que os resíduos hospitalares de pacientes com varíola dos macacos sejam tratados como alto risco individual e moderado risco para a comunidade. 

Fonte: Olhar Digital

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem
header ads
header ads